Seja bem-vindo. Hoje é

21 de set de 2011

Poema de Isabel Meyrelles


Encontros que não marcaste
em ruas que desconheces
eu esperarei
até que as noites deslizem
sobre mim e eu fique transformada
em arvore


Isabel Meyrelles
Palavras Noturnas & Outros Poemas

3 comentários:

  1. Perfeito sentimento posto em poesia!

    Lindo poema!

    Beijos

    Mirze

    ResponderExcluir
  2. Coloquei o seu e-book sobre poemas meus no blog vídeos, livros etc, via meu blog de poesia.
    Beijinho para si!

    ResponderExcluir
  3. Obrigada, querido Poeta Vieira Calado, é uma homenagem singela, mas feita com o coração!
    Beijinhos.

    ResponderExcluir