Seja bem-vindo. Hoje é

10 de mai de 2011

PALCO


Dadas as mãos,
Enlaçados os dedos,
Unidos os destinos,
Ficámo-nos extáticos, frente ao altar do universo,
Como se fora no princípio do mundo!...

- No começo da Vida!

Um canto de ave, ante a manhã, voou sobre as nossas cabeças
E perante o Sol que rompia no horizonte largo
Gozámos o poema inédito do Primeiro Dia,
Renascido das cinzas dum mundo velho e apodrecido
Como Eva redentora saída das costas inconscientes do novo Adão.


Vasco Miranda
De Luz na Sombra (1946)

2 comentários:

  1. Extasiante, Vasco Miranda!

    A imagem se une ao poema e a viagem que fiz foi linda!

    Bravo, Poeta!

    Mirze

    ResponderExcluir
  2. Conhecendo seu blog hoje estou extasiada diante da beleza dos seus poemas.
    Como sou brasileira e um carinho imenso por Portugal tenho um blog onde faço homenagem Brasil e Portugal.
    Seria uma honra ter você como seguidor já tenho muitos amigos de Portugal em sua maioria poeta ,,pois a poesia esta no sangue portugues.
    Um feliz Domingo beijos no coração,Evanir..
    www.aviagem1.blogspot.com

    ResponderExcluir