Seja bem-vindo. Hoje é

15 de out de 2013

DOIS POEMAS


DOIS POEMAS

Em que idioma te direi
este amor sem nome
que é servo e rei?
Como o direi?
Como o calarei?

É como se a noite se molhasse
repentinamente, quando choras.
É como se o dia se demorasse,
quando te espero e tu te demoras.

Albano Martins
(in Outros Poemas «Vocação do Silêncio»,Poesia - 1950-1985)

Nenhum comentário:

Postar um comentário